Insecta Shoes

terça-feira, julho 01, 2008

BC do Mês - Julho

Para quem ainda não sabe, eu estou inscrita um grupo da Internet (Bookcrossing), que têm por objectivo a troca de livros.. e mesmo a sua "libertação"...e por vezes no forum são lançados alguns desafios... como:
- Ler livros que foram passados a Filmes (lançado por mim :D)
- Ring de Sacos de Chá
- Ring de Marcadores
- Ler livros por ordem alfabética do apelido dos escritores (Ex: A - Allende, Isabel)
- Lotaria (da Marcenda)
- etc... até aonde a nossa imaginação nos levar ;)

Mas neste caso que vos vou falar é sobre a Troca de Livros Mensal, ou seja, inscrevemo-nos neste desafio e foi nos sorteado um Mês (a mim calhou-me a mês de Julho). E em cada mês temos que enviar um livro à pessoa respectiva desse mês. No nosso mês não temos que enviar nada… ficamos a aguardar ansiosamente que nos enviem os livros que gostaríamos de ler (costumamos fazer um lista com os nossos desejos).

Então como o mês de Julho chegou…Huppiiiii… ontem à meia-noite fui abrir os envelopes (que tinha escondido no armário, para não cair em tentação e abrir antes do tempo)… e os livros que os outros bookcrossers me enviaram foram os seguintes:


O Perfume - Patrick Süskind (oferecido pela fbeatriz)



O Perfume é um romance do escritor alemão Patrick Süskind publicado pela primeira vez em 1985. Foram vendidos 15 milhões de exemplares em quarenta línguas. O título original alemão é Das Parfum, die Geschichte eines Mörders, "O Perfume, História de um assassino".

O Perfume foi considerado o livro da década de 80 na Alemanha

O livro conta a história de um homem que possui um olfato extraordinariamente apurado mas não possui cheiro próprio.

A história situa-se no século XVIII, em Paris, depois em Auvergne, em Montpellier, em Grasse e finalmente retorna a Paris. O protagonista, Jean-Baptiste Grenouille, nasceu no meio de tripas de peixe atrás de uma banca, onde a mãe, que algumas semanas depois foi executada por infanticídios, vendia peixe. Grenouille possui duas características excepcionais:

Ele não tem cheiro nenhum, o que assusta sua ama e as crianças com quem ele vive no orfanato, mas que permite que ele passe totalmente despercebido. Durante a história, essa ausência de odor, de que ele se dá conta somente bem mais tarde, será compensada pela criação de perfumes mais ou menos atraentes, que Grenouille utiliza de acordo com as circunstâncias a fim de ser notado pelos outros.
Ele tem um olfato extremamente desenvolvido, o que lhe permite reconhecer os odores mais imperceptíveis. Conseguia cheirá–los por mais longe que estivessem e armazenava–os todos no seu nariz. Esse olfato é sua única fonte de alegria, que ele aproveita para confeccionar, sem a mínima experiência, perfumes de qualidade excepcional.
Durante a sua vida teve vários acidentes e doenças, trabalhou como aprendiz de curtidor de peles e depois como aprendiz de perfumista e, graças às suas características, enquanto foi aprendiz de perfumista aprendeu várias técnicas para a criação de um perfume.

Grenouille um dia encontra uma jovem, com um perfume totalmente diferente de todos os outros milhares de perfumes que ele guardava na memória, e acabará por matá-la, com as suas próprias mãos, de tanto desejar apoderar-se do seu odor. Mas, esta jovem é apenas uma das muitas jovens que o protagonista acaba por matar (26 no total), em busca do perfume perfeito.

No final da história, Grenouille volta a Paris e é partido aos bocados e comido por pessoas devido ao efeito do perfume que tinha posto: um final trágico para o protagonista.

A acção divide-se entre o mundo dos perfumes, traduzido pelo título "O Perfume", que servem para encobrir o mundo dos fedores, dos crimes e da hipocrisia que caracterizam a cidade de Paris no século XVIII.

Adaptação cinematográfica

O livro, até pouco tempo considerado inadaptável para a linguagem cinematográfica, foi transformado em filme no ano de 2006 pelo diretor alemão Tom Tykwer (Corra, Lola, Corra). Süskind negociou os direitos de filmagem com o produtor, também alemão, Bernd Eichinger (A Queda, A Casa dos Espíritos). O filme contou com um elenco de celebridades, tais como Dustin Hoffman e Alan Rickman. O personagem central da história foi interpretado pelo jovem Ben Whishaw. O orçamento da produção extrapolou o valor de 50 milhões de euros, segundo informações contidas no site da Deutsche Welle.

Inês de Portugal - João Aguiar (oferecido pleo Jota-P)




Sinopse
Castelo de Santarém, num dia do ano de Cristo de 1359.
Enquanto El-Rei D. Pedro I corre a caça pelos campos, os seus conselheiros Álvaro Pais e João Afonso Tello esperam com sombria ansiedade a chegada de dois prisioneiros, Álvaro Gonçalves e Pero Coelho, dois dos "matadores" de Inês de Castro (o terceiro, Diogo Lopes Pacheco, logrou fugir e refugiou-se em França). A esses homens havia sido solenemente prometido perdão, mas o Rei, decidido a vingar a única mulher que amou, quebrou o juramento feito, e agora eles vêm, debaixo de ferros, a caminho de Santarém.
É este o ponto de partida de "Inês de Portugal". Mas ao longo das suas páginas é toda a história de Pedro e Inês que João Aguiar reconstrói, abordando pela primeira vez um tema histórico posterior à Nacionalidade e fazendo-o desde logo com um dos mitos maiores da nossa consciência de Nação.

A Estrela de Gonçalo Enes - Rosa Lobato de Faria (oferecido pela Butterfly-noir)



Sinopse
Trata-se de uma obra leve e descontraída sobre a vida e aventuras de duas personagens quase esquecidas da História de Portugal, mais especificamente da época das Descobertas. São personagens reais, se bem que quase todo o enredo seja ficcionado.

Gonçalo Enes ficou na História pela descoberta das grutas de Tassili N`Ajjer. Um jovem órfão de pai, nascido e criado na aldeia algarvia de Bensafrim. Encantado pela estrela Sirius, que o ilumina e encanta durante toda a vida, o jovem Gonçalo, desiludido por um amor impossível, abre o seu destino às incríveis aventuras do Império que El-rei D. Afonso sonhava construir. Pelas aldeias indígenas de África, pelas cidades encantadas de Marrocos, pelas areias misteriosas do deserto, Gonçalo leva consigo o espírito de aventura e coragem que transformou este pequeno país num mundo inteiro de esperança e riqueza.

Gonçalo, mal-amado e desprezado, vive no sonho, mas um sonho que o faz feliz. A amizade, a camaradagem, a fidelidade ao sonho são valores que fazem dele um herói, mesmo que esquecido pela História, como tantos outros que, anonimamente, construíram as páginas mais brilhantes da nossa história.

Fica, desta estória, o encanto de um tempo ido, em que a pobreza se enganava com grandes sonhos, do tamanho do Império. Um livro belo e fresco, descontraído, sem ambições, mas que encanta pela extraordinária simplicidade e singeleza da escrita de Rosa Lobato Faria.

49233$00 de Telefone - Diário de uma Mãe / Diário de uma Filha (oferecido pela wicca)
de Isabel Stilwell



A mãe escreve um diário. Escreve sobre o que a irrita, o que a faz feliz; atira para lá as suas dúvidas e angústias de “velha” de 38 anos e de mãe de uma adolescente.
A filha escreve um diário. Escreve sobre o que a irrita, o que a faz feliz; atira para lá as suas dúvidas e angústias de adolescente e de filha.
Moram na mesma casa, são reféns das mesmas hormonas, conhecem as mesmas pessoas mas, o que escrevem não pode ser mais diferente.


Vida Amorosa de uma Mulher - Zeruya Shalev (oferecido pela Patricialeao)



Sinopse
A obra Vida Amorosa de uma Mulher relata a tempestuosa e angustiante relação entre uma jovem mulher e um homem com o dobro da sua idade, em que o amor e a paixão assumem a forma de um terrível vício. Yaará nunca havia sentido aquele misto de intensa atracção e de profunda repulsa que assaltava agora todo o seu ser, o seu corpo - subitamente desperto -, a sua vida, monótona e descolorida à luz impúdica daquela nova paixão. Não conseguiria dizer o que a mantinha cativa de Arieh - amigo de juventude de seu pai -, do seu inexplicável magnetismo, da sua atitude displicente, rude, deliberadamente ambígua na estranha forma de manifestar os sentimentos. E, no entanto, sabia que o seu amor por ele se tornaria, fatidicamente, obsessivo, desesperado, destruidor. Num minuto vagava no mais luminoso mar de felicidade e, no momento seguinte, descia ao inferno, submersa nas dúvidas, nos ressentimentos, no jogo mórbido da subjugação afectiva e sexual...

Uma narrativa ousada, de contornos nitidamente eróticos, inquietante e profunda, de uma beleza crepuscular, prenúncio dos insondáveis mistérios da noite que, por vezes, envolve o universo do desejo, da dependência, da obsessão sexual, no que ele tem de mais sublime e de mais grotesco, de sagrado e de profano.


Começar de Novo - Margarida Fonseca Santos (oferecido pela Betita)



Sinopse
Voltar a amar é sempre um desafio...
Começar de Novo, um livro de Margarida Fonseca Santos, vencedora do Prémio Revelação APE / Instituto Português do Livro e da Biblioteca (IPLB)

Depois de vários anos de vida em comum, Duarte e Rita separam-se. Ela apaixona-se por um colega de trabalho, ele sai do Porto decidido a esquecê-la. Ao mesmo tempo, em Lisboa, Sofia termina a relação com Carlos, depois de este lhe dizer que se apaixonou por outra pessoa.
Um dia, por casualidade do destino, Sofia e Duarte ficam fechados num elevador, tornando-se amigos. Essa amizade evolui, pouco a pouco, para um nível de intimidade maior, ajudando cada um a ultrapassar os problemas sentimentais.
Mas nos caminhos do amor até que ponto a simples vontade de esquecer a mágoa significa estar preparado para começar de novo?


Quere-o desde já agradecer a todos pelos livros que me enviaram... agora é que a minha pilha de TBR nunca mais baixa LOL...OBRIGADA!!! OBRIGADA !!! ADOREI!!!

Sem comentários: