Insecta Shoes

segunda-feira, junho 06, 2011

Sangue Mortifero - Charlaine Harris

Comecei a ler este livro no dia 01/06/2011 e acabei no dia 04/06/2011.

Com a excepção de Sookie Stackhouse, os habitantes de Bon Temps, no Louisiana, pouco sabiam sobre vampiros e nada sobre lobisomens. Até agora. Lobisomens e metamorfos revelaram finalmente a sua existência ao mundo e isso poderá ter custado a vida a alguém que Sookie conhecia. Mas a sua determinação para descobrir o responsável pelo homicídio é posta de parte perante um perigo muito maior. Uma raça de seres sobrenaturais (mais velhos, poderosos e muito mais misteriosos do que os vampiros ou os lobisomens) prepara-se para a guerra. E Sookie, enredada ainda na teia de antigos amores, ver-se-á como peão demasiado humano nesta batalha...




Charlaine Harris escreve romances de mistério além dos livros de Sookie Stackhouse. Vive no Sul do Arkansas com o marido, três filhos, dois cães, dois furões e um pato. Leitora ávida, cinéfila moderada e halterofilista ocasional, o seu passatempo preferido é incentivar os filhos em desportos variados, instalada em bancadas desconfortáveis.




A minha opinião

Para tem seguido esta colecção – Saga Sangue Fresco, (já vamos no 9º volume), gosta de saber em que aventuras a Sookie anda metida. Sim pois esta colecção não é só sobre vampiros… envolvem muitas mais criaturas do sobrenatural (metamorfos, lobisomens, fadas, wiccas, etc), mas todos os volumes são narrados pela Sookie, que nos conta o seu dia-a-dia, e como ela se envolveu com todas estas criaturas.
É uma escrita simples, pois faz-nos entrar na pele e na mente da Sookie e parece que somos nós que estamos a viver todas as aventuras dela, pois é ela a narradora.
Este volume começa com a divulgação aos seres humanos da existência de Lobisomens e Metamorfos, conforme os vampiros já se haviam feito no início da Saga (pois já não precisavam de matar seres humanos, para saciarem a sua fome de sangue, após a criação em laboratório, de um sangue sintético comercializável e inofensivo – True Blood). Não querendo desvendar muito sobre a história, só posso dizer que vamos encontrar um certo número de mortes, para que a Sookie, com a sua capacidade de telepatia, possa descobrir quem foi. E ainda vamos ter a Sookie no meio da luta entre fadas, e ela sendo o principal alvo a abater

Sem comentários: