Insecta Shoes

quarta-feira, outubro 26, 2011

Atira-te ao Homem - Gaby Hauptmann

Comecei a ler o livro no dia 21/10/2011 e acabei no dia 25/10/2011.

Eve é uma mulher em processo de divórcio que deseja acima de tudo arranjar um novo amor e um novo rumo para a sua vida. Conhece um homem num bar e de repente a sua vida muda radicalmente.



Gaby Hauptmann nasceu em 1957 na Alemanha, é jornalista free-lancer, realizadora de cinema e autora de vários livros que rapidamente se tornaram grandes sucessos, entre os quais Mulher Procura Homem Impotente para Relacionamento Sério que suscitou enorme entusiasmo entre os leitores portugueses.

sexta-feira, outubro 21, 2011

Pura Ficção

Comecei a ler este livro no dia 18/10/2011 e acabei de ler no dia 20/10/2011.

When the local library starts a reading group, Ed is the first to sign up. He is soon joined by Kate, Zoe, Bob, Donna, and Gideon. As the reading circle draws its members into an unlikely community, the plots become increasingly outlandish, and their lives grow ever more entwined.



Julie Highmore was born in Surrey, but as her father was in the Royal Air Force, she spent a happy childhood living in lots of different places, attending fourteen schools altogether. The regular uprooting has stayed with her, and she still feels the urge to move house every few years - enjoying doing up places that need a little work.

Before becoming a published writer, Julie taught English to foreign students and was a reader for Oxford University Press’s children’s books. Although she’d always had literary ambitions, she didn’t start writing until one day, at home with flu, she heard about a short-story competition on her local radio station, and to her surprise won first prize.

She eventually went on to study creative writing under a great tutor, Philip Pullman, who gave her invaluable advice and encouragement when she began writing her first novel. Unusually, Country Loving was picked up by Headline from the slush pile and was published in 2002.



Julie lives in Oxford and has three grown-up children.

terça-feira, outubro 18, 2011

Um dia - David Nicholls

Comecei a ler este livro no dia 13/10/2011 e acabei no dia 17/10/2011.

Podemos viver toda uma vida sem nos apercebermos de que aquilo que procuramos está mesmo à nossa frente.
15 de Julho de 1988. Emma e Dexter conhecem-se na noite em que acabam o curso. No dia seguinte, terão de seguir caminhos diferentes. Onde estarão daqui a um ano? E no ano depois desse? E em todos os anos que se seguirão? Vinte anos, duas pessoas, um DIA.




Críticas de imprensa
“Um livro simplesmente maravilhoso: inteligente, divertido, perspicaz, comovente, muitas vezes, insuportavelmente triste”.
The Times

“Este ano, terá dificuldade em encontrar uma comédia romântica tão acutilante e, ao mesmo tempo, tão delicada.”
The Independent

“Destinado a ser um clássico moderno.”
DailyMirror

“É raro encontrar um romance que aborde o passado recente de forma tão competente… É difícil encontrar personagens tão bem construídas como estas e não reconhecer o talento do escritor que as criou.”
The Guardian

David Nicholls nasceu em 1966 em Eastleigh, Hampshire. Estudou teatro antes de se dedicar a escrita. De entre os seus êxitos televisivos destacam-se a terceira série de Cold Feet, Rescue Me e I Saw You, bem como uma muito elogiada versão moderna de Much Ado About Nothing e uma adaptacao de Tess of the D’Ubervilles, ambas para a BBC. Para além de romances, David Nicholls escreve guiões para cinema e televisão, e já foi duas vezes nomeado para os prémios BAFTA. O seu primeiro romance e best-seller, Starter for Ten, foi seleccionado para o Richard and Judy Book Club em 2004 e adaptado para o cinema em 2006 (em Portugal com o nome Concurso Viciado). O argumento do filme foi escrito pelo próprio David Nicholls e a personagem principal foi interpretada por James McAvoy.




A minha Opinião:

É um romance que me provocou sentimentos de divertimento e alegria, mas por outro lado de tristeza, ao ponto de não quere pegar mais no livro.
Retrata muito bem a evolução da vida de dois amigos que passam por diferentes etapas e emoções no decorrer de 20 anos. Desde o momento que se conheceram no último da faculdade, passando pelos primeiros empregos, várias desilusões amorosas, casamentos, ferias em conjunto, fases menos boas da vida, mas um ponto em comum eles tinham-se um ao outro para conversar e desabafar.
Gosto da maneira como o escritor descreve as personagens, Emma quando termina a faculdade, por ter vindo da classe média é mais terra a terra, mais realista, têm que arranjar um emprego, tem que alugar um emprego, mesmo que não corresponda à área do curso dela, tem é que arranjar dinheiro para sobreviver. Não pensa em ser famosa, mas em trabalhar.
Por outro lado o Dexter é totalmente o oposto da Emma, quando termina o curso, só pensa em viajar durante um ano ou dois, à volta do mundo sem se preocupar com que dinheiro é que vai fazer isso. Emprego para ele tem que ser qualquer coisa fantástica, tem que soar a qualquer coisa muito aventureira e tem que ser famoso. E a sua vida amorosa não é estável, quer aproveitar ao máximo a vida, ter o maior numero de casos amorosos e experimentar todo o tipo de drogas e beber até não poder mais. Ser feliz e ter muitos amigos, estar sem na companhia de uma rapariga bonita. Mas este tipo de vida vai levar Dexter a pontos muito baixos da sua vida, ao perder o seu emprego como apresentador de televisão.
Mas como bem sabemos durante um período de 20 anos, as vidas dão grandes voltas e no caso de Emma e Dexter é isso mesmo que vai acontecer, é engraçado. O Dexter deixa de ser famoso e passa a trabalhar como ajudante de um restaurante e no caso de Emma, deixa de trabalhar como ajudante num restaurante e passa a ser famosa como escritora de livros juvenis.
E no decorrer de 20 anos este casal de amigos nunca deixaram de ser amigos e até acabam por ficar juntos durante um período muito feliz para ambos. Mas como a vida real não é um conto de fadas, não podia terminar como “viveram felizes para sempre.”, acontece um acidente a Emma e Dexter vai ter que aprender a refazer a sua vida sem a sua amiga de sempre.
Este romance deixa-me a pensar as coisas teriam acontecido de maneira diferente se quando se conheceram tivessem se dito coisas diferentes? Mas teriam eles vivido as suas vidas da maneira como viveram? Vê-se que Emma desde o início se apaixonou por Dexter e que ele também gostava dela. Mas penso que Dexter tinha que passar por varias fases da vida dele para se o quanto estava apaixonado por Emma.
Acho que já me alonguei demais e espero não ter contado muito da historia, aconselho este livro, é encantador.

segunda-feira, outubro 17, 2011

II Guerra Mundial



Menina:Tenho que lhe dizer uuma coisa, senhor... Tem no seu braço uma tatuagem sem graça nenhuma. É só um montão de numeros.
Senhor: Bem teria a tua idade quando ma fizeram. Mantenho-a como uma recordação.
Menina: Oh! ... Uma recordação de dias mais felizes?
Senhor: Não, de um tempo em que o mundo ficou louco.
"Imagína-te a ti mesma num país em que os teus compatriotas seguem a voz de um político extremista que não gostava da tua religião.
Imagína que te tiravam tudo, que enviavam toda a tua familia para um campo de concentração, para trabalhar como escravos, e ser assassinados sistemáticamente. Nesse sitio te tiravam até o teu nome para ser substituido por um número tatuado no teu braço.
Chamou-se a isso O Holocausto, quando milhões de pessoas foram mortas só pelas sua crenças religiosas..."
Menina: Então tu usas essa tatuagem para recordares o perigo das políticas extremistas!
Senhor: Não, querida. É para que tu o recordes.

terça-feira, outubro 11, 2011

Claridade - Alyson nöel

Comecei a ler este livro no dia 10/0/2011 e acabei no dia 11/10/2011.

Bem-vindos ao Aqui & Agora, Riley Bloom deixou a irmã, Ever, no mundo dos vivos e atravessou a ponte que conduz à vida depois da morte - um local chamado Aqui, onde o tempo é sempre Agora.Acompanhada pelo seu cão, Botão de Ouro, Riley juntou-se aos seus pais e está prestes a instalar-se numa morte agradável e descontraída quando a chamam para comparecer perante o Conselho. Aí, revelam-lhe um segredo - a vida depois da morte não é só uma eternidade de boa vida e Riley tem de trabalhar. Confiam-lhe, nessa altura, uma tarefa, a de ser uma Apanhadora de Almas, e um professor, Bodhi, um rapaz estranho que ela não consegue compreender bem. Da mesma autora da série Best-seller «Os Imortais».



Alyson Noël (Orange County, 03 de dezembro) é uma escritora americana de ficção, autora da prestigiada série Os Imortais, de spin-offs e livros independentes.[1] Foi na adolescência que Alyson teve grande inspiração para escrever, lendo Are You There the God? It's Me, Margareth, de Judy Blume quando estava na sexta série. Seus livros, traduzidos para 35 países, somente nos Estados Unidos venderam 2 milhões de cópias

Alyson cresceu em Orange County, onde frequentou Escola Primária Richard Nixon por dois anos.[2] Depois de deixar a escola, morou na em Mykonos, Grécia, depois de deixar o liceu, Troy High School (Califórnia). Em seguida mudou-se para o bairro Manhattan, Nova York, onde trabalhou como assistente da Delta Air Lines, uma grande companhia aérea. Atualmente vive em Laguna Beach, Califórnia. Antes de se dedicar à literatura ocupou uma variedade de profissões como babá, balconista de uma loja de departamento de vendas, assistente administrativo, joalharia, pinturas, recepcionista, comissária de bordo da Delta Air Lines. A maior parte de seu tempo livre passa viajando para ficar longe do estilo de vida suburbano. Ela se inspirou para se tornar uma autora depois de ler Are You There God? It's Me, de Maragret de Judy Blume na sexta série. Em 2005, a jovem Alyson escreve seu primeiro: Faking 19, onde explora o estilo de vida do jovem contemporâneo.



Alyson Noel ficou internacionalmente conhecida com a sua série de livros Os Imortais.O primeiro livro da série Para Sempre foi publicado em Fevereiro de 2009 e rápidamente se tornou um best-seller do New York Times. O segundo livro da série, Lua Azul foi publicado em 7 de Julho de 2009, seguindo de Terra de Sombras em Novembro do mesmo ano. Em 2010, o quarto livro, Chama Negra em Junho e o quinto volume, Night Star em Novembro. O sexto e último livro da série, Everlasting foi publicado em 07 de Junho de 2011. Noël também escreveu os romances livros ‘Saving Zoë’, ‘Kiss & Blog’, ‘Art Geeks and Prom Queens’, ‘Cruel Summer’ e’ Laguna Cove and Fly Me to the Moon’.

Noël está escrevendo spin-offs da série Os Imortais, A Série de Riley, que como o nome indica tem como protagonista Riley, a irmã morta de Ever. O primeiro livro Radiante foi publicado em 3 de Agosto de 2010 em inglês.

A Rapariga que sonhava com uma lata de Gasolina e Um Fósforo -

Comecei a ler este livro no dia 06/10/2011 e acabei no dia 09/10/2011.

Neste segundo volume da trilogia Millennium, Lisbeth Salander é assumidamente a personagem central da história ao tornar-se a principal suspeita de dois homicídios. A saga desenvolve-se em dois planos que se complementam e só a solução do primeiro mistério trará luz ao segundo: Há que encontrar os responsáveis pelo tráfico de mulheres para exploração sexual para se descobrir por que razão Lisbeth Salander é perseguida não só pela polícia, mas por um gigante loiro de quem pouco se sabe.



Stieg Larsson (1954-2004) foi jornalista e editor responsável da revista Expo. Foi um dos maiores peritos mundiais no estudo de movimentos antidemocráticos, de extrema-direita e nazis. Morreu subitamente, pouco tempo depois de entregar à sua editora sueca os três volumes da trilogia Millennium. Tragicamente, não viveu para assistir ao fenómeno mundial em que a sua obra se transformou.

quinta-feira, outubro 06, 2011

Um Estranho em casa - Patricia MacDonald

Comecei a ler este livro no dia 29/09/2011 e acabei no dia 04/10/2011

Há onze anos, a vida idílica de Anna Lange ficou destroçada quando Paul, o seu filho de quatro anos, desapareceu sem deixar rasto. Anna nunca deixou de acreditar que ele estava vivo e, quando o rapaz reaparece por fim, todos pareciam achar que o pesadelo terminara. Contudo, a alegria do reencontro dura pouco tempo. Nervoso e retraído, Paul começa a comporta-se de modo estranho. Anna pensa que o filho continua a recuperar do terrível trauma vivido na noite em que desapareceu —embora o jovem afirme não se recordar do que aconteceu. Mas será verdade que Paul não se lembra? Bom, há alguém que se lembra e que está disposto a tudo para impedir que a verdade venha ao de cima...

Três Metros Acima do Céu - Federico Moccia

Comecei a ler este livro no dia 24/09/2011 e acabei no dia 28/09/2011.

Três Metros Acima do Céu é um romance apaixonante acerca da descoberta do amor por dois jovens vindos de mundos completamente distintos. Babi é uma rapariga certinha, de boas famílias, bonita e endinheirada, que está prestes a concluir os estudos num liceu fino de Roma. Step é um rapaz problemático e de carácter irascível e violento, amante do risco e da velocidade e com um comportamento muitas vezes reprovável. Um encontro casual faz com que se sintam irremediavelmente atraídos um pelo outro e nasce entre eles uma linda história de amor. Porém, será que as diferenças entre Babi e Step poderão ser superadas? Poderão eles permanecer para sempre três metros acima do céu, o sítio onde vivem os apaixonados?
Uma comédia romântica sobre o fim da adolescência, Três Metros Acima do Céu tornou-se um estrondoso sucesso de vendas a nível mundial e transformou Federico Moccia em autor de culto entre os jovens.

segunda-feira, outubro 03, 2011