Insecta Shoes

segunda-feira, setembro 26, 2011

Eu Mileurista, me confesso - Filipa Magalhães

Comecei e acabei de ler este livro no dia 23/09/2011.

Viver com mil euros por mês. Uma história na primeira pessoa.




«A Filipa aprendeu muito nesta travessia do deserto.
Foi uma luta duríssima contra o desemprego e todas as suas nefastas consequências emocionais… Mas, sobretudo, teve a coragem de travar uma luta contra a invisibilidade daqueles que não têm trabalho. Não permitiu que a tornassem invisível. Li este livro de um trago. Rime. Emocionei-me. Franzi as sobrancelhas. Espantei-me. Quando acabei, pensei imediatamente na quantidade de gente na minha vida que precisa de ler este livro. E que também, infelizmente, na quantidade de gente que ainda não sabe… mas que em breve vai precisar. Este livro tão simples, tão cru e corajoso vai reconfortar muita gente. Pessoas «invisíveis» que a Filipa, com a sua imensa sensibilidade, encheu de cor, sons e movimento. Deu-lhes voz.»
- Rita Ferro Rodrigues, no Prefacio

Ponto Quê? - Vânia Beliz

Comecei a ler este livro no dia 08/09/2011 e acabei no dia 24/09/2011

Prazer.

Qual é a palavra que vem imediatamente à cabeça quando se fala em prazer?
Adivinhou.

Num mundo em que o direito à felicidade é elementar e inquestionável, a procura do prazer é hoje uma constante da vida. Numa sociedade livre e emancipada, a satisfação sexual é fundamental para o bem-estar físico e emocional.



Mais do que apenas um guia sobre o prazer no sexo, Ponto Quê? revela-nos os Quês do complexo e fascinante mundo da sexualidade feminina. Porque antes de falar de prazer, é preciso falar de desejo, e de todos os outros ingredientes que compõem a receita da satisfação sexual.

Com um estilo directo, acessível e bem-humorado, Vânia Beliz, psicóloga especialista em Sexualidade, ajuda-nos a evitar as armadilhas mais comuns, identifica problemas e soluções, derruba os eternos mitos, e sugere-nos técnicas, truques e fantasias. Como se escutasse as nossas dúvidas e anseios, leva-nos à descoberta de uma sexualidade mais plena e satisfatória.

Psicóloga clínica, mestre em sexologia, Vânia Beliz tem mantido colaboração regular na imprensa, rádio e televisão – sempre para esclarecer as questões relacionadas com a sexualidade, assunto em que se especializou. A sexóloga publicou recentemente ‘Ponto Quê’, um livro sobre o prazer no feminino. "Escrevi [este livro] para as mulheres e para todos os homens que queiram descodificar e descobrir mais sobre a nossa sexualidade. Escrevi-o para todas as mulheres numa linguagem objectiva e divertida como se quer o sexo, descomplicado!", explica Vânia Beliz, que colaborou com o projecto ‘Maleta Vermelha’ – onde fez "assessoramento a mulheres na área do material erótico". Neste Teste Americano diz que a portuguesa está "longe do famoso ‘uma lady na mesa uma louca na cama’" e que através da sua experiência clínica verificou que o problema mais recorrente é a "falta de prazer e de desejo".

sexta-feira, setembro 23, 2011

Errar é Divino - Marie Phillips

Comecei a ler este livro no dia 20/09/2011 e acabei no dia 23/09/2011.

Neste novo volume da colecção «Lado B», Marie Phillips ressuscita os deuses gregos num romance original que proporcionará momentos de boa disposição. Em pleno século XXI, os deuses do Olimpo estão vivos, mas como os seus poderes já não são como eram, o seu dia-a-dia é muito pouco lisonjeiro. Forçados a coabitar numa casa decrépita em Londres, vêem-se obrigados a dedicar-se a ocupações mundanas: Artémis passeia cães, Dionísio é DJ numa discoteca, Afrodite atende chamadas eróticas e Apolo é apresentador de televisão. E é por uma briga entre Afrodite e Apolo que nada vai voltar a ser como dantes. Para se vingar de Apolo, Afrodite pede a Eros que dispare uma das suas setas contra ele… Apolo acaba por se apaixonar por uma mera mortal e, quando os dois mundos chocam, as consequências são hilariantes.



Críticas de imprensa
«Habilmente imaginado e bastante consistente.»
The Guardian

«A autora fez um excelente trabalho - divertido e despretensioso, engenhoso e fácil de ler.»
The Observer

«Absolutamente delicioso.»
Scotland on Sunday

As Series que ando a Ver





E que quero ver quando estrearem:


Temporada 2

Temporada 2

Gostei

terça-feira, setembro 20, 2011

Primeira a Morrer - James Patterson

Comecei a ler este livro no dia 16/09/2011 e acabei no dia 19/09/2011



Lindsay Boxer, detective da Brigada de Homicídios da cidade de São Francisco, acaba de receber más notícias: sofre de uma doença rara que pode ser fatal. Decidida a ultrapassar mais este problema, atira-se de corpo e alma ao caso que tem em mãos: o do assassino em série apostado em perseguir e assassinar recém-casados, a quem chamam o «Assassino dos Noivos».
Habituada a enfrentar o mundo sozinha, desta vez Lindsay decide escutar a voz do coração: apaixona-se pelo novo parceiro, Chris Raleigh, e recorre à ajuda das amigas para formar uma aliança improvável - O Clube das Investigadoras. Juntando as poucas pistas disponíveis, as amigas identificam o assassino mais aterrador que alguma haviam visto, até que uma cruel reviravolta revela que o caso tem contornos mais complexos e que elas estavam, afinal, enganadas… Ou será que não?
Primeira a Morrer é uma história, envolvente e cheia de suspense que mantém os leitores presos até à última página.

Um Lugar sem Nome - May Tan

Comecei a ler este livro no dia 10/09/2011 e acabei no dia 16/09/2011.



Doze amigos americanos preparam-se para a viagem da sua vida ¿ partindo do sopé dos Himalaias chineses, considerados o verdadeiro Shangri-la, seguirão até às florestas inexploradas da Birmânia, para estudarem a arte e a cultura destes dois países. Mas, depois da misteriosa morte de Bibi Chen, a sua guia turística, os planos cuidadosamente preparados desmoronam-se, e a confusão espalha-se entre os viajantes. Na madrugada do dia de Natal, os amigos embarcam num cruzeiro por um lago enevoado… e desaparecem. Vagueando em plena selva encontram uma tribo secreta que se esconde num Lugar sem Nome e que acredita que um dos turistas é o seu salvador, o líder que tanto esperava para os libertar da violência do regime militar birmano.
Amy Tan tece uma história provocadora e apaixonante acerca da mente e do coração do ser humano, as acções que escolhemos, as questões morais que nos podemos colocar e, acima de tudo, as respostas profundamente pessoais que procuramos quando os finais felizes são aparentemente impossíveis.
Um Lugar sem Nome de Amy Tan

Críticas de imprensa
«Personagens fantásticas, imagens inesquecíveis, complexidade histórica, temas de grande relevância a actualidade e um extraordinário dom para o suspense que mantém o leitor em alerta durante todo o livro.»
Los Angeles Times

segunda-feira, setembro 12, 2011

União - Ally Condie

Comecei a ler este livro no dia 07/09/2011 e acabei no dia 09/09/2011.

Cassia sempre confiou nas escolhas dos Funcionários. É um pequeno preço a pagar por uma vida longa, um emprego perfeito, um companheiro ideal. Quando o seu melhor amigo aparece no ecrã da União, Cassia tem a certeza absoluta de que ele é o certo… até ao momento em que vê um outro rosto aparecer no ecrã, por breves instantes, antes de este ficar negro. Agora Cassia vê-se confrontada com escolhas impossíveis: entre Xander e Ky, entre a única vida que conhece e um caminho que nunca ninguém ousou seguir - entre a perfeição e a paixão.



Ally Condie é autora deste romance bestseller do New York Times. É uma ex-professora de Inglês, que mora com o marido e os três filhos nos arredores de Salt Lake City, Utah. Adora ler, correr, comer e ouvir o marido tocar guitarra.



Já sei que para o proximo ano vai sair o segundo volume desta coleção.



Estou em pulgas para saber a continuação deste romance.

quarta-feira, setembro 07, 2011

Quando sopra o vento norte - Daniel Glattauer

Comecei a ler este livro no dia 05/09/2011 e acabei no dia 07/09/2011.

"Escreva-me Emmi. Escrever é como beijar, mas sem lábios. Escrever é beijar com a mente."



Quando sopra o vento norte é um romance divertido, animado e irresistivelmente cativante, cheio de reviravoltas, sobre um caso de amor vivido exclusivamente por e-mail.

Tudo começa por acaso: Leo recebe por engano alguns e-mails de uma desconhecida chamada Emmi. Educadamente, responde-lhe e Emmi retribui.
Esta troca de e-mails desperta uma curiosidade intensa entre os dois e, quase de imediato, Emmi e Leo começam a partilhar confidências e desejos íntimos.
A tensão entre ambos aumenta, e o encontro parece iminente. Mas Emmi e Leo adiam o momento. Porque, afinal de contas, Emmi é casada e feliz.
Serão os sentimentos que nutrem um pelo outro suficientemente profundos para sobreviver a um encontro real? E, depois desse momento, o que os espera?

Daniel Glattauer grew in the 10th District of Vienna favorites and attended school on the uncharted territory Laaer mountain. In 1978 he graduated in 1979 and studied education and art history. After graduating in 1985 he first wrote about three years for the press and then moved to the newly founded daily newspaper Der Standard, where he is in charge since 1989 under the symbol "dag" for columns, court reports and feature pages.

Glattauer was known mainly through his columns, in the so-called Einser Kastl on the cover of the standard appear alternately with those of "rough" (Hans Rauscher) and in which he humorously takes on the everyday. Collections of his best columns are screaming in book form under the name The ants count, and the birds appeared to show ma times.

His novel, The Christmas Dog in 2004, directed by Michael Keusch for television.



His 2006 published novel Gut gegen Nordwind the same year was nominated for the German Book Prize. The book is a modern form of the epistolary novel from an accident caused by e-mail correspondence between a single man and a married woman, and Madame Bovary can be understood as a modern version of Gustave Flaubert's novel of adultery. The stage version was on 19 Premiered in September 2007 in Linz Posthof. 2009 seemed to continue all seven waves.

E descobri hoje na net, que este livro tem continuação, que vai ser publicado pela Porto Editora. O livro chama-se a Setima Onda.


Fico a aguardar com muita ansiedade. Rápidooo!!!

segunda-feira, setembro 05, 2011

As Cinco Pessoas que Encontramos no Céu - Mitch Albom

Comecei a ler este livro no dia 04/09/2011 e acabei no dia 05/09/2011.

A Editora Pergaminho tem o prazer de juntar à sua colecção Linhas Cruzadas um dos best-sellers mais aguardados para 2004. Publicado nos EUA em Outubro de 2003, tem ocupado os primeiros lugares dos tops de vendas desde então.
“Esta é a fábula que lemos de uma assentada quando nos apaixonamos. É o conto que temos sempre à mão quando nos sentimos perdidos. É a história que queremos escutar vezes sem conta, pois tem aquela capacidade rara e mágica de nos dar a ver a nós próprios e ao mundo a uma nova luz. Este livro é um presente para a alma.” Amy Tan



Mitch Albom é um premiado jornalista, argumentista, dramaturgo, músico. É também autor de vários livros, todos eles esmagadores best-sellers internacionais publicados em quarenta e quatro países. As Cinco Pessoas que Encontramos no Céu é o seu primeiro romance e foi um êxito imediato, tendo passado longos meses nos lugares cimeiros das listas de best-sellers do New York Times. O autor fundou três instituições de caridade e subsidia projectos de literacia. Foi eleito «Figura do Ano» pelo National Hospice Organization em 1999.



Citação Favorita:

O amor perdido não deixa de ser amor. Apenas assume uma forma diferente. Não conseguimos ver o sorriso da pessoa amada, ou levar-lhe comida, ou mexer-lhe nos cabelos, ou rodopiar com ela numa pista de dança. Mas quando esses sentimentos enfraquecem, há outro que se sublime. A memória. A memória torna-se nossa companheira. Alimenta-nos. A vida tem um fim. Mas o Amor não.


Perfume de Paixão - Jude Deveraux

Comecei a ler este livro no dia 01/09/2011 e acabei no dia 03/09/2011.

Noiva do encantador e sedutor Greg Anders, Sara Shaw mal consegue esperar pelo dia do seu casamento em Edilean, na Virgínia. Mas apenas três semanas antes do dia do casamento, Greg recebe um telefonema durante a noite e sai sem dar qualquer explicação. Dois dias mais tarde, um homem aparece através de um alçapão no soalho da casa de Sara, afirmando que é o irmão da sua melhor amiga e informando-a que se vai mudar para casa dela. Embora Mike Newland esteja realmente a dizer a verdade sobre a sua identidade, a razão que o levou ali tem muito mais que se lhe diga. É um detective que trabalha infiltrado; a sua missão é usar Sara para descobrir o paradeiro de uma mulher — uma das criminosas mais notórias dos Estados Unidos — que, por acaso, é a mãe do homem com quem Sara tenciona casar. Mike acredita que a investigação não será difícil — isto é, caso consiga arranjar maneira de fazer com que uma jovem de «boas famílias» como Sara confie em si. No entanto, Mike não faz a mais pequena ideia do que aquela missão lhe reserva.



Esforçou-se ao máximo para esconder as suas ligações a Edilean, as quais remontam ao tempo em que a sua avó vivera naquela localidade, em 1941. Mas à medida que Mike e Sara se vão conhecendo, ele não consegue evitar partilhar segredos que nunca tinha partilhado com ninguém. Enquanto trabalham juntos para resolverem os dois mistérios, o amor crescente que desabrocha entre os dois começa a sarar cicatrizes de uma forma que nunca teriam imaginado ser possível.

Jude Deveraux é autora de uma vasta obra, com mais de 30 títulos publicados, que marcam regularmente presença na lista dos livros mais vendidos do New York Times, incluindo First Impressions, Carolina Isle, Holly Always, Wild Orchids, Forever and Always, The Mulberry Tree, The Summerhouse, Temptation e Secrets. Os seus livros, bestsellers em vários países, já venderam mais de 50 milhões de exemplares em todo o mundo.



Jude Deveraux nasceu em 1947 em Fairdale, Kentucky. Licenciou-se em Arte na Universidade de Murray. Foi professora durante alguns anos, antes de se dedicar exclusivamente à escrita. Actualmente vive na Carolina do Norte