Insecta Shoes

terça-feira, dezembro 30, 2008

Enfim, Juntos



Ontem à noite estive a ver este filme... que tinha passado a manhã inteira à procura do nome do livro, na net.

Adorei ;D

sexta-feira, dezembro 26, 2008

Prendas de Natal - 2008

Este Natal recebi as seguintes prendinhas:



Este livro do meu amigo M. (T-Dog... Obrigadoooooooooooooooo!!! A-D-O-R-E-I!!!)



Recebi estes cremes para os pés da minha amiga M. (Vai dar um jeitão lol!!!)



Recebi estes brincos e esta linda pulseira dos meus queridos amigos L. e T. (Tão uinda!!! Ameiiiii!!!)



Recebi estes brincos de mim mesma ;D!!!!!



Recebi esta linda peça da Pandora...oferta da minha querida mana.... Adoreiii!! (siginfica a Familia)



Recebi este perfume da minha mãe...(era mesmo isto que eu queria... bigada!!!)

Prémios Darwin - Wendy Northcutt

Comecei a ler no dia 19 de Dezembro e acabei no dia 24.

Prémios à estupidez humana.

"Apenas duas coisas são infinitas - o Universo e a estupidez humana, e no que respeita ao Universo não tenho grandes certezas".

-Albert Einstein (Consultor Científico para os Prémios Darwin)



Quem nunca cometeu um acto estúpido e depois se penalizou por isso? Penso que todos nós, em determinadas alturas da vida, já fizemos uma ou outra coisa completamente destituída de bom senso...como pôr em banho-maria uma lata de salsichas fechada ou coisa pior. Mas estamos vivos, não estamos? Logo, não temos qualquer direito a receber um Prémio Darwin mas sim, quanto muito, uma Menção Honrosa.

O que são?

Os Prémios Darwin são homenagens póstumas a indivíduos que por terem cometido actos de uma estúpidez imensa se auto-excluíram da nossa espécie ou ficaram impedidos de passar os seus genes a novas gerações, o que comprovadamente em nada as beneficiaria.

A ideia partiu de um jovem estudante de biologia molecular, Wendy Northcutt: "O princípio fundamental dos Prémios Darwin consiste na celebração da auto-exclusão da raça humana do material geneticamente incompetente. Assim, o potencial vencedor deve morrer ou, pelo menos, ficar incapaz de se reproduzir."

Partindo deste princípio e firmemente ancorado à teoria evolucionista de Darwin, Northcutt começou a pesquisar , a recolher factos reais de pessoas que haviam morrido por pura estupidez e criou um site onde são anualmente divulgados os prémios atribuídos. Depois vieram os livros, embora em Portugal só tenha sido publicado o 1º volume pela editora Replicação, que eu saiba.

Condições para a atribuição do prémio

1. A narrativa tem de ser verdadeira (algumas histórias inverídicas vão para a secção "Lendas Urbanas" por serem engraçadas e criativas);

2. O candidato deve exibir uma total falta de discernimento e morrer em função disso ou ficar incapaz de perpetuar a sua espécie (caso fique vivo e capaz recebe uma "menção honrosa").



Um galardoado

"Um homem, de quarenta e dois anos, matou-se perto de Kaiserslautern, quando observava o eclipse total do sol ao mesmo tempo que conduzia. Uma testemunha viu-o andar aos ziguezagues de um lado para o outro, à medida que se concentrava no sol parcialmente oculto. De repente, acelerou e embateu num pilar da ponte. Aparentemente, tinha acabado de pôr os óculos de sol, os quais são suficientemente escuros para eclipsar tudo, à excepção do sol."

Adorei o livro... bem o ser humano é bastante estupido... enquanto lia este livro não conseguia pensar noutra coisa... mas que estupidos!!!!... como é que são capazes de fazer tamanha estupidez???... Mas parti o "caco" a rir... muito giro...

Muito obrigada Marialeitora, por esta oferta de Natal...estou a pensar abrir um Ring para este livro ;D, o que acham??? Para aprenderemos a não fazermos mais coisas estupidas ;)



Wendy Northcutt (b. September 17, 1963) is the creator of the Darwinawards.com website and author of five books on the Darwin Awards.

According to the short biographies in her books and on her website, Northcutt completed a degree in molecular biology at Berkeley, worked in a neuroscience research lab at Stanford, and later managed the protein purification group at a biotech startup developing cancer and diabetes therapeutics.

domingo, dezembro 21, 2008

Cão Vermelho - Louis de Bernieres.

Comecei e acabei de ler no dia 19 de Dezembro de 2008.
É um livro que se lê muito bem..têm momentos para rir e momentos que nos faz chorar :(.

Sinopse
Depois de Milu e Rantanplan, há que integrar o protagonista desta história no panteão canino. Na senda de La Fontaine, Louis de Bernières escreveu uma fábula enternecedora com um protagonista inesquecível: um cão sem morada ou destino fixos, apaixonado pela liberdade e pelos espaços amplos, um nómada louco por aventuras que não gosta de vínculos ou constrangimentos. De facto, O Cão Vermelho está longe de ser um cachorrinho mimado; ele é fedorento, impulsivo, independente… e tem a característica muito especial de tocar as vidas de todos os que encontra no seu caminho.



Numa linguagem delicada e ligeira, Louis de Bernières pinta um retrato tocante, baseado num facto real (O Cão Vermelho existiu mesmo), cheio de personagens inesquecíveis e tendo por palco um cenário arrebatador – o da Austrália profunda.
Um terno romance de evasão que se recomenda aos leitores de todas as idades.
Críticas de imprensa
"A escrita de Bernières é clara e consegue, mais uma vez, uma abordegem tocante mas também divertida. Acerca desta narrativa, confessa com ironia: «Espero que o meu gato nunca descubra que escrevi uma história em honra de um cão»".
Rita Pimenta, in Mil Folhas (Público), 04 de Setembro de 2004 "O Cão Vermelho é de Bernières vintage, com abundante humor, compaixão e respeito."
The Financial Times
"A curta e muito doce ‘biografia’ de De Bernières de um altamente cativante animal é de um deleite especial."
The Observer



Louis de Bernières (born London, UK on December 8, 1954) is a British novelist most famous for his book Captain Corelli's Mandolin. In 1993, de Bernières was selected as one of the 20 Best of Young British Novelists, part of a promotion in Granta magazine.[1] His fourth novel, Captain Corelli's Mandolin, was published in the following year, winning the Commonwealth Writers Prize for Best Book. It was also shortlisted for the 1994 Sunday Express Book of the Year. It has been translated into over 11 languages and is an international bestseller.

On 16 July 2008, he was awarded an Honorary Doctorate in the Arts by the De Montfort University in Leicester, which he had previous attended when it was known as Leicester Polytechnic.

De Bernières grew up in Surrey, his surname being inherited from a French Huguenot forefather. He was educated at Bradfield College, and joined the army when he was 18, but left after four months of service at Sandhurst. He attended the Victoria University of Manchester and the Institute of Education, University of London. Before he began to write full-time he held a wide variety of jobs, including being a mechanic, a motorcycle messenger, an English teacher in Colombia. He now lives near Bungay in Suffolk with his partner and two children.[4]

His Latin American trilogy
It was his experiences in Colombia (as well as the influence of writer Gabriel García Márquez, describing himself as a 'Márquez parasite') that, he says, profoundly influenced his first three novels, The War of Don Emmanuel's Nether Parts (1990), Señor Vivo and the Coca Lord (1991) and The Troublesome Offspring of Cardinal Guzman (1992).


Captain Corelli's Mandolin
De Bernières' most famous book is his fourth, Captain Corelli's Mandolin, in which the eponymous hero is an Italian soldier who is part of the occupying force on a Greek island during the Second World War.

In 2001, the book was turned into a film, also titled Captain Corelli's Mandolin. De Bernières strongly disapproved of the film version, commenting, "It would be impossible for a parent to be happy about its baby's ears being put on backwards."

Since the release of the book and the movie, Cephalonia, the island on which Captain Corelli's Mandolin is set, has become a major tourist destination, and, as a result, the tourist industry on the island has begun to capitalise on the book's name. Of this, de Bernières said

"I was very displeased to see that a bar in Agia Efimia has abandoned its perfectly good Greek name and renamed itself Captain Corelli's, and I dread the idea that sooner or later there might be Captain Corelli Tours, or Pelagia Apartments."

Red Dog
His book, Red Dog (2002), was inspired by a statue of a dog he saw during a visit to Australia. [5]

Birds Without Wings
Birds Without Wings (2004), is set in Turkey, and tells the story of how a small community is affected by the First World War. The book also covers the history of Kemal Atatürk.


A Partisan's Daughter
A Partisan's Daughter tells of the relationship between a young Yugoslavian woman and a middle-aged English man around the time of Tito's demise.

sexta-feira, dezembro 19, 2008

B-a-Ba dos Templários - Bernard Marillier



Comecei a ler no dia 17 de Dezembro e acabei no dia 18.

Este B.A.-BA dos Templários, acessível a todos, permite aos leitores iniciarem-se, de maneira sintética, na história, tanto espiritual como temporal, da Ordem dos Templários.




Jacques Molay




Templários



Moeda dos Templários

quinta-feira, dezembro 18, 2008

Que livro és? You're Cat's Cradle!




You're Cat's Cradle!

by Kurt Vonnegut

You believe quite firmly that free will deserted you long ago and far
away. As a result, it's hard to take responsibility for anything. Even though you show
great potential as a leader of a small 3rd world country, the choices are all made ahead
of time. You're rather fond of games involving string. Your fear of nuclear weaponry is
trumped only by your fear of ice.



Take the Book Quiz
at the Blue Pyramid.

quarta-feira, dezembro 17, 2008

Natal Artesanal - Bookcrossing

Muito obrigada à minha madrinha ... adorei a minha prenda artesanal, cheira tão bem a alfazema... é o meu perfume favorito.. Muito Obrigado !!! HO!HO!HO!

Prenda do Pai Natal - Bookcrossing



Muito obrigada à minha madrinha do bookcrossing, MariaLeitora, por esta prendinha maravilhasa... e que ainda por cima me vai ajudar no Desafio - Alfabeto dos Autores
E também gostaria de agradecer ao Pai Natal do Bookcrossing, pois as prendas são aquelas que nós gostamos mais L-I-V-R-O-S-!-! ;)

Crepúsculo - Trailer

Twilight ganhou uma versão cinematográfica, que estreou em 21 de Novembro de 2008 nos EUA, no dia 4 de Dezembro, do mesmo ano, em Portugal e, dias mais tarde, 19 de dezembro, no Brasil. Crepúsculo já bateu o recorde de espectadores num final de semana. O elenco conta com Kristen Stewart como Isabella Swan, Robert Pattinson como Edward Cullen e Taylor Lautner como Jacob Black.

Crepúsculo - Stephenie Meyer

Comecei a ler o livro no dia 7 de Dezembro e acabei no dia 16.

Twilight (Crepúsculo, em português) é uma história sobre vampiros escrita por Stephenie Meyer, publicada originalmente em capa dura em 2005. É o gênesis da saga Twilight e apresenta Isabella "Bella" Swan, que se muda de Phoenix, Arizona, para Forks, Washington, que se coloca em perigo ao apaixonar-se pelo vampiro Edward Cullen.



Bella Swan decide se mudar da ensolarada Phoenix, Arizona para a chuvosa cidade de Forks, Washington, para viver com seu pai, Charlie, para que a sua mãe, Renée, possa se deslocar com o seu novo marido, Phil Dwyer, aos jogos de basebol, pois este é um jogador da segunda divisão. Embora Bella não tivesse muitos amigos em Phoenix ela gostava do lugar, pois o Sol brilhava por lá. Pelo contrário, Forks, é uma das cidades dos Estados Unidos onde mais chove durante o ano e que possui os dias mais nublados.

Bella chega a Forks despertando bastante curiosidade nos seus colegas. Por ser uma cidade pacata, onde todos se conhecem, a sua chegada era bastante aguardada por muitas pessoas. Na escola, Bella conhece muitas pessoas logo no primeiro dia e torna-se amiga de Mike, Jessica, Angela, Eric e Tyler.

Bella depressa descobre como seria monótona e entediante a sua vida em Forks, caso Edward Cullen, o lindo e misterioso rapaz que se senta a seu lado na aula de Biologia, não lhe despertasse tanta curiosidade e servisse de escape à sua rotina diária. No primeiro dia que ela o vê, Edward "parece" sentir repulsa por ela, chegando mesmo a tentar mudar os seus horários para evitá-la. Entretanto, quando um carro fora de controle está prestes a atropelar Bella no estacionamento, Edward salva-a do perigo sobrenaturalmente, como é percebido pela jovem, que assiná-la que ele estava muito distante de si para poder puxá-la da trajectória do veículo e que, a mossa deixada no automóvel após o embate, era em tudo semelhante à estrutura dos ombros de Edward. O rapaz recusa-se, no entanto, a falar sobre o assunto. Bella evita falar com Edward durante algum tempo, mas no dia em que ela vai com as suas amigas até Port Angeles, mete-se, de novo, em apuros, de modo que Edward salva-a novamente. A partir deste instante, a cada passagem do livro, ambos acabam por se tornar cada vez mais próximos.

Ela acaba descobrindo por seu amigo Jacob Black, da tribo Quileute, que Edward e sua família, os Cullen, são vampiros vegetarianos, ou seja, que não se alimentam de sangue humano.

Apesar da natureza da família Cullen, Bella e Edward apaixonam-se e mantêm-se juntos por um período de tempo. A sua relação aparentemente perfeita, no entanto, é lançada no desespero quando James, um vampiro rasteador, pousa os seus olhos em Bella. Sob a suspeita de que James sequestrou sua mãe, Bella se dirige a um antigo estúdio de balé no qual ela dançava, aonde o rastreador pretende matá-la. Edward, junto com os outros membros da família Cullen, resgatam-na antes que James conseguisse matá-la.

Segue-se uma lista dos capítulos do livro em inglês, português brasileiro e português europeu:

- Nos EUA - Little, Brown and Company, no Brasil - Editora Intrínseca e em Portugal - Edições Gailivro -

Preface / Prológo / Prefácio
01 - First Sight / À Primeira Vista / Primeira Vista
02 - Open Book / Livro Aberto / Livro Aberto
03 - Phenomenon / Fenômeno / Fenómeno
04 - Invitations / Convites / Convites
05 - Blood Type / Tipo Sangüíneo / Grupo Sanguíneo
06 - Scary Stories / Histórias de Terror / Histórias Assustadoras
07 - Nightmare / Pesadelo / Pesadelo
08 - Port Angeles / Port Angeles / Port Angeles
09 - Theory / Teoria / Teoria
10 - Interrogations / Interrogações / Interrogações
11 - Complications / Complicações / Complicações
12 - Balancing / Oscilando / Equilíbrio
13 - Confessions / Confissões / Confissões
14 - Mind Over Matter / A Mente Domina a Matéria / O Domínio da Mente sobre a Matéria
15 - The Cullens / Os Cullen / Os Cullen
16 - Carlisle / Carlisle / Carlisle
17 - The Game / O Jogo / O Jogo
18 - The Hunt / A Caçada / A Caçada
19 - Goodbyes / Despedidas / Despedidas
20 - Impatience / Impaciência / Impaciência
21 - Phone Call / Telefonema / Telefonema
22 - Hide-and-Seek / Esconde-Esconde / Jogar às Escondidas
23 - The Angel / O Anjo / O Anjo
24 - An Impasse / Um Impasse / Um Impasse
Epilogue: An Occasion / Epílogo: Um Acontecimento Especial / Epílogo: Uma Ocasião Especial

Stephenie Meyer (24 de Dezembro de 1973, Hartford, Connecticut) é uma escritora estadunidense famosa pela série de livros Twilight (Crepúsculo).

Nasceu em 1973 em Connecticut, mudando-se quatro anos mais tarde para Phoenix, Arizona, onde ainda mora. É a segunda de três meninas. Tem ainda três irmãos mais novos.



Freqüentou a escola em Scottsdale, Arizona. Recebeu o National Merit Scholarship e usou-o para pagar a sua formação na Brigham Young University (Provo, Utah).

Casada desde 1994 com Pancho, cujo verdadeiro nome é Christian, tem três filhos: Gabe, Seth e Eli. É também membro de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias.

Crepúsculo (Twilight nos EUA), é o seu primeiro romance. Depois da sua publicação, Stephenie foi escolhida como um dos "novos autores mais promissores de 2005" pela a Publishers Weekly.


Série Twilight
- Crepúsculo (Twilight)
- Lua Nova (New Moon)
- Eclipse
- Amanhecer (Breaking Dawn)
- Sol da Meia-Noite (Midnight Sun)

domingo, dezembro 07, 2008

Vida Amorosa de Uma Mulher - Zeruya Shalev

Comecei a ler no dia 27/11/2008 e acabei de ler ontem dia 06/12/2008.



Sinopse: A obra «Vida Amorosa de Uma Mulher» relata a tempestuosa e angustiante relação entre uma jovem mulher e um homem com o dobro da sua idade, em que o amor e a paixão assumem a forma de um terrível vício.
Yaará nunca havia sentido aquele misto de intensa atracção e de profunda repulsa que assaltava agora todo o seu ser, o seu corpo, subitamente desperto, a sua vida, monótona e descolorida à luz impúdica daquela nova paixão. Não conseguiria dizer o que a mantinha cativa de Arieh – amigo de juventude de seu pai -, do seu inexplicável magnetismo, da sua atitude displicente, rude, deliberadamente ambígua na estranha forma de manifestar os sentimentos. E, no entanto, sabia que o seu amor por ele se tornaria, fatidicamente, obsessivo, desesperado, destruidor. Num minuto vagava no mais luminoso mar de felicidade e, no momento seguinte, descia ao inferno, submersa nas dúvidas, nos ressentimentos, no jogo mórbido da subjugação afectiva e sexual. A doentia fascinação que sentia por aquele homem desencadeara a derrocada do seu quotidiano – a carreira académica – e, ironicamente, desvelara os contornos ocultos dos muitos ódios, culpabilidades e renúncias que povoavam o passado de seus pais e, até, a sua própria infância. No decorrer desta história, Yaará atravessa um período de grande sofrimento que acaba por despoletar um processo de maturação e crescimento interior, passando de um estado de dependência e culpabilidade para a conquista da independência psicológica e física e do amor-próprio. Uma narrativa ousada, de contornos nitidamente eróticos, inquietante e profunda, de uma beleza crepuscular, prenúncio dos insondáveis mistérios da noite que, por vezes, envolve o universo do desejo, da dependência, da obsessão sexual, no que ele tem de mais sublime e de mais grotesco, de sagrado e de profano.





Zeruya Shalev nasceu em 1959, no Kibbutz Kinneret, sito nas redondezas do Mar da Galileia. Aí passou grande parte da sua infância, até que os pais acharam impossível permanecer num lugar onde as crianças, mesmo doentes, são criadas longe dos progenitores. Mãe, pai e filhos mudaram-se para um campus universitário que cedia habitações aos funcionários. Com as habilitações alcançadas em Jerusalém, o pai de Zeruya tornou-se professor de Estudos Bíblicos e Judaicos, Literatura, Geografia e Matemática, enquanto a mãe leccionava Arte. Longe de tudo e de todos, Zeruya e o irmão ocupavam muito do seu tempo a enriquecer a imaginação, inventando músicas, histórias, contos de fadas e histórias de terror. Mais tarde, passou tudo para o papel. Os pais acharam que ser escritora era um futuro promissor, visto que a família contava já com uma longa linhagem de escritores, ensaístas, poetas. Antes de frequentar a Faculdade, Zeruya cumpriu o serviço militar, trabalhando com os psicologicamente carenciados, o que alterou os seus planos iniciais de estudar Psicologia. Em Jerusalém cursa estudos Bíblicos e História de Israel, não por devoção religiosa, mas para compreender melhor um tesouro e uma tradição com a qual cresceu, e para perceber o lado mais íntimo da Bíblia. Foi durante os anos de estudo na Universidade que começou a sua produção literária: um livro de poesia intitulado «Easy Target for Snipers», publicado em 1988. O primeiro livro recebeu altas ovações da crítica, sendo premiado com três galardões de literatura nacionais. No mesmo ano termina o seu MBA e começa a trabalhar como editora de livros em Jerusalém. Rapidamente mudou da poesia para a prosa, e como peça de transição surge «I Danced I Stood». «A Vida Amorosa de Uma Mulher» é o seu segundo romance, publicado em Israel em 1997, conquistando um geral consenso e aclamação por parte da crítica nacional e internacional, e também uma excelente carreira comercial. A obra foi alvo de um gigantesco sucesso não só no seu país de origem, como rapidamente atingiu os lugares cimeiros de vários top's mundiais, incluindo países como os Estados Unidos, Alemanha, França, Inglaterra, Itália e Holanda.
Casada com um escritor israelita e mãe de dois filhos, Zeruya Shalev é hoje considerada uma das grandes, e mais promissora, figuras da actual literatura israelita.

sexta-feira, dezembro 05, 2008

Origami

A minha grande amiga M. esteve na passa terça feita a dar-me umas aulas de Origami, aprendi a fazer uma caixa (ficou uinda!!!), um Tsuro (bem este deu água pelas barbas, lol), uma arvore de Natal e uma estrela.

E como eu através da aquisição de uma Agenda para 2009 na Wook, recebi como oferta uns papeis e os esquemas para fazer uns Origamis... e aqui ficam as fotos ;)

Wook te faz voar?


Wook te apaixona?


Wook te faz dançar?


Wook te acompanha?

Caixinha para Oferecer

segunda-feira, dezembro 01, 2008

Marley & Me (2008) - Trailer

Este é um filme que eu não posso perder ;)

A Walk To Remember - Only Hope

A Walk to Remember Trailer

Message in a Bottle - Trailer

The Notebook trailer

Nights in Rodanthe Trailer #2

Nights in Rodanthe Trailer

Ontem fui ao FreePort Alchochete, ver este filme, baseado no livro "Sorriso das Estrelas" do Nicholas Sparks, com o M., a E e a S.

.

Saiumos de lá todos com os olhos a "brilhar". A-D-O-R-E-I.!!!!!

Feira de Artesanato em Setubal

Este fim de semana passado estive a ajudar umas amigas minhas na Feira de Artesanato que se realizou no Porto de Setubal (por causa da chuva).

Podem visitar aqui alguns trabalhos que tivemos à venda.

Para a proxima feira, que se vai realizar em Dezembro, vou vos avisar com antecedência, que é para que apareçam e possam comprar algumas coisas

Estou de Férias de Inverno Huuuupiiiiiii!!!!!!!!!!!!!!!!